Mercado Android – Invasão Chinesa?

Serão as marcas Chinesas de Smartphones boas alternativas às marcas mais conhecidas?

O mercado

De acordo os indicadores das últimas publicações do International Data Corporation (IDC), as marcas enviaram para os mercados um total de 337.2 milhões de smartphones,  isto só no segundo trimestre de 2015 (2Q15). Um crescimento de 11.6% comparativamente a igual período de 2014.

 

Sem margem para dúvidas a liderança do Mercado Android é da Samsung, sendo que se considerar-mos total do mercado de smartphones entra a Apple, previsivelmente em 2º lugar, tendo a ganhar algum terreno à Samsung, no lançamento do iPhone 6.  Esta perda de mercado  da Samsung tem vindo a registar-se de ano para ano, muito devido à forte concorrência nos equipamentos topo de Gama que a Apple faz.
Até aqui tudo normal, sendo que em 3º lugar aparece a Huawei, marca chinesa com maior mercado a nível mundial A marca tem apostado em investido em publicidade para penetrar no mercado Europeu, apostando forte por exemplo no patrocínio no futebol.

No entanto, a análise dos valores da figura, o comum utilizador ficará bastante surpreendido de não ver outras marcas bastante conhecidas a nível mundial, como a LG, Sony e HTC, sendo que estas marcas deverão estar incluídas nos 45.2% identificados como “Other Brands”.

Surgem, para surpresa de muitos, a Xiaomi e a Lenovo, dois pequenos gigantes, desconhecidos de muitos. Diga-se de passagem, que o surgimento destas marcas no top 5 se deve muito ao grande peso que o mercado asiático tem no mercado global. Esta análise não é descabida, por que se virmos isoladamente o mercado Americano, ele continua a ser liderado pela Apple, que faz com que depois apareça em 2º lugar, se analisarmos os valores a nível do globo.

Infographic: The State of the Global Smartphone Market | Statista

E Portugal?

Mas então como estamos nós por cá? Segundo dados da Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC) em 2013 o mercado dos smartphones cresceu cerca de 25% e de acordo com o  Barómetro de Telecomunicações da Marktest, mais de 4 milhões de portugueses utilizam smartphone.

No total os portugueses compraram 3,9 milhões de telemóveis, e em termos top de marcas vendidas em Portugal temos em 1º a Samsung, 2ºa LG e a 3º Apple, e a Sony, que no entanto têm sofrido muito com a concorrência de Marcas como a Alcatel e a Huawei.

Alguns danos têm também sido causados por duas marcas em especial: a espanhola BQ e a francesa Wiko; é com alguma naturalidade que os equipamentos destas marcas europeias comecem a ganhar popularidade, especialmente na gama média, tendo sido essa a aposta forte para entrar no mercado. É no entanto relevante dizer que estas marcas europeias têm as suas bases de produção na china, sendo uma das razões para os preços competitivos que praticam.

No último ano e meio cresceu muito o número de entusiastas de telemóveis asiáticos, muito por causa da OnePlus e Xiaomi, que são de longe as marcas chinesas com maior crescimento não só no nosso país, sendo que a Huawei já está no nosso mercado há bastante tempo.

Smartphones Chineses, marcas e fiabilidade

Bem, a invasão chinesa no mercado de Smartphones está aí e a evidência é que no último ano este mercado tenha crescido 19.7%.

Mas então e vale a pena investir no Smartphone de Marca Chinesa? A resposta a isto é simples e não é: depende muito da experiência pessoal e o que se pretende fazer com o telemóvel.

Vantagens:

  • Para começar tendo em quanta o relação preço/qualidade, algumas marcas apresentam terminais que batem qualquer equipamento de marcas conhecidas, tendo em conta as características que oferecem.
  • Depois, existe um sistema muito competitivo de especificações, o que faz os preços baixar ainda mais, dada a quantidade de concorrentes que existem no mercado com as mesmas características. É uma característica muito comum também os smartphones serem na sua grande maioria Dual-Sim e possuírem slot de cartão de memória.
  • Existe uma outra vantagem, mais para quem gosta de ostentar algo singular, que é o facto de muito provavelmente, ninguém vai aparecer com um telemóvel igual ao teu. De facto a personalização do é cada vez mais apreciada e existe uma grande comunidade de programadores que desenvolvem sistemas alternativos de Android, que são de resto, uma das característica de algumas marcas (CyanogenMod, Paranoid Android, Flyme, Miui, Amigo…)

Desvantagens: Mas nem tudo é um mar de Rosas!

  • A principal desvantagem logo à partida é não se ter contacto directo com o equipamento antes de comprar, aumentando o risco de insatisfação.
  • Depois há a questão de ter de ser encomendado online, e aí tem de se escolher muito bem! O meu conselho será escolherem um distribuidor Europeu “European wharehouse”, no entanto já existem empresas portuguesas a comercializar alguns dos melhores equipamentos. O Porque disto? para entendidos é óbvio, mas as assistências serão sempre mais demoradas, e estão sujeitas ao envio do terminal para o pais da compra. Assim, se for na Europa ou em Portugal, as coisas podem-se resolver mais rapidamente.

Em termos de características o que esperar? Bem aqui encontramos de tudo, mas neste momento, entre os 130-200€ consegue-se ter um smarphone com HD ou Full HD, 2-3 Gb de Memória RAM e geralmente ente os 16-32 Gb de memória para armazenamento. Em termos de  Camara frontal 13MP e Selfie 5 MP (alguns com Sensores Sony e Samsung) , e normalmente têm suporte LTE (4G), sendo Dual-SIM (micro-SIM). GPS e uma um bom pack de sensores é também Standard. Uma questão sensível são os processadores, que influenciam muito o preço do terminal. Os smartphone com melhores opções de preço qualidade tem na maioria processadores Mediatek, quase sempre 64 bits e Octa-core. Os processadores Qualcomm tendem a influenciar bastante o preço, mas as diferenças a nível de desempenho são significativas, uma vez que o processador influência as especificações dos principais componentes do smartphone: GPU, Playback de videos, resolução de Ecrã e câmara.

Quais as melhores marcas? A responda depende do quando estaremos a desembolsar.

Alta Gama iria para a OnePlusOne e OnePlusTow , Meizu Pro 5  , Xiaomi Mi Note Pro, Lenovo Vibe Z2 Pro, Huawei Honour 7, OPPO R7 Plus e não deixaria de considerar a Asus Zefone 2, que já há muitos anos está pela Europa. Estamos a falar de terminais de qualidade muito boa quer a nível de construção quer a nível de desempenho: longe vão os anos das péssimas réplicas. Queria destacar o Meizu Pro 5, que parece mais uma vez estar a destronar o Galaxy S6 edge+ no pódio da conhecida Aplicação Antutu, com uns bestiais 76.8k de score.

Baixa-Media gama podemos  encontrar uma diversidade de equipamentos que é de ficar pasmado! Além de que a  Xiaomi, Meizu e a  Lenovo, também têm equipamentos para carteiras menos avantajadas, temos  Elephone, UMI, ZTE, Oukitel, Ecoo, Jiayu, LeTV, Ulefone, Mlais… e mais. Daqui estaco a Elephone, que tem representante Português e tem lançado novos modelos a um ritmo alucinante. Isto é bom, porque existem por aí muitos utilizadores, o que nos permite perceber melhor qualidade e possíveis problemas.

Veredicto: São boas alternativas?

A compra compensa mais na média gama, porque se gasta 1/3 ou 1/4 do dinheiro que se fosse comprar um terminal Samsung, LG, Sony ou outros. Ao final de um ano podemos mudar de telemóvel,ou pode mesmo avariar, que ainda só gastámos 1/4 daquilo que teria de despender para comprar um com características de desempenho semelhantes. Eu por exemplo tenho um terminal que está próximo dos 47 mil antutu e custou 170€. Em Agosto era bom, agora já não é top, porque saíram os novos Mediatek Helio X10. Mas é como tudo, desvaloriza muito, mas também não foi caro…Se comprarmos OnePlus ou Xiaomi Alta Gama desvalorizam bastante menos, mas temos de contar em gastar a partir de 300€.

Eu demorei bastante a escolher, porque tirei o máximo de informações sobre os que me interessavam. Depois de escolher o terminal, foi escolher o distribuidor que mais confiança me inspirou: no meu caso veio de Espanha, a ver se o vento que veio gera um bom casamento.

Qual a sua opinião sobre as marcas alternativas? 

  • Gerson

    Certeza que a Apple e a Samsung já estão com medo. Mas ainda gosto da Motorola a.ka. Lenovo

  • Existem bastantes marcas chinesas que têm equipamentos de qualidade, com um bónus de o preço ser bem mais baixo que as grandes marcas! Gosto desses novos Lenovo também!
    Volte sempre Gerson, é bem-vindo! 🙂 ´
    Bom fim-de-semana!