Processing chegou ao Raspberry Pi

Conhece o termo Processing? É uma linguagem de programação de código aberto, com um ambiente desenvolvimento integrado (IDE), dedicado às artes electrónicas e comunidades de projectos visuais, com o objectivo de ensinar nocções básicas de programação de computadores num contexto visual.

Processing

Recentemente Gottfried Haider descobriu como colocar o Processing a funcionar no Raspberry Pi, incluindo também uma biblioteca que permite controlar os pinos de entrada e saída (I/O) do Raspberry Pi.

Gottfried Haider disse:

I’m excited about having Processing on the Raspberry Pi and other low-cost desktop machines. In the last few years we’ve seen a shift away from easily accessible environments, towards concepts such as mobile platforms, specialized internet-of-things devices and cloud computing. As someone who got into programming by tinkering around with the open and readily available platforms of the time, I believe it’s important to have initiatives such Raspberry Pi and Processing, to promote software literacy and to encourage a future where computers remain a read/write medium.

Caso pretenda experimentar o Processing no seu Raspberry PI, execute o comando seguinte:

curl https://processing.org/download/install-arm.sh | sudo sh

O download do Processing pode também ser feito através da página oficial. Existem alguns tutorias sobre Processing que poderá consultar aqui ou assistir vídeo-tutoriais, começando no vídeo a baixo.

Os fundadores do Processing, Ben Fry e Casey Reas, iniciaram a linguagem na primavera de 2001, enquanto estudavam no MIT Media Lab, integrando o grupo de investigação John “Maeda’s Aesthetics and Computation”.

Existem bastantes pedaços de código disponíveis nesta linguagens e pode encontrá-los online, sendo que até ao momento ainda não estejam disponíveis para o Raspberry Pi-

Usa a linguagem Processing? O que acha desta novidade para Raspberry?

Fonte das imagens