Terroristas poderão ter usado a Playstation 4 para planear ataques

Na sequência dos ataques terroristas da passada sexta-feira, 13 de novembro de 2015, em Paris, que vitimaram pelo menos 127 pessoas e deixaram feridas outras 300, as autoridades estão a investigar como todo o ataque foi planeado, desconfiando até que a famosa consola de jogos Playstation 4 possa ter sido o modo de comunicações.

PSN

Na noite de sexta-feira oito terroristas foram mortos, mas suspeita-se que cúmplices possam ainda estar à solta. A polícia continua buscas e tem estado a montar raids perto de Bruxelas, onde surgiram pistas de que foi usada pelo menos uma consola Playstation 4.

Segundo o ministro belga dos assuntos internos, os agentes da ISIS usaram a PS4 para comunicar porque é muito difícil de monitorizar, “Playstation 4 é ainda mais difícil de seguir o rasto do que o WhatsApp”.

Quando a nova geração de consolas foi lançada, haviam algumas preocupações em relação a privacidade, porque conectando periféricos como o Microsoft Kinect e a Playstation Camara, os utilizadores poderiam ser espiados pelas entidades governamentais.

PS4

Mas é a comunicação por consolas sem recurso a periféricos, que poderá ter dado aos terroristas um modo seguro para comunicar, sendo até melhor que chamadas telefónicas encriptadas, mensagens ou mesmo emails.

Ainda não se sabe qual foi o método seguido pelos terroristas, mas existem algumas possibilidades, como a troca de mensagens pela rede PSN ou conversação por voz dentro de um determinado jogo.

Mas nem só de palavras se pode fazer a comunicação.É também possivel partilhar, em modo privado, informações com amigos sobre novas conquistas e nelas enviar uma mensagem. Acredita-se que existam muitas outras formas dentro dos jogos para enviar mensagens discretamente.

Fonte: Forbes

Fonte das imagens