Ponte do Øresund

Existem coisas que nos deixam incrédulos no que toca à área da tecnologia. E acredite o leitor que a Ponte de Øresund é algo de soberbo no que toca aos avanços que temos vivido. Esta estrutura já não é nova, começada a construir em 1995 e finalizada em 1999, esta ponte viu-se inaugurada apenas em 2000. O objetivo da ponte era ligar dois países, Suécia e Dinamarca.

Ponte do Øresund

Não deixa de ser admirável saber que esta ponte tem 16 quilómetros e é composta por 3 partes. Uma ponte, um túnel e, uma ilha artificial. Permite a circulação de trânsito rodoviário e ferroviário. As linhas férreas atravessam-se por baixo das estradas. Esta é mais frequentemente referida como Öresundsbron ou Øresundsbroen. A empresa que a construiu prefere Øresundsbron que simboliza um compromisso entre as duas línguas, que simbolizaria uma identidade cultural comum da região.

Inicialmente, esta ponte foi considerada um fiasco porque as pessoas não a utilizavam. As portagens tinham um custo de 36€, valor excessivo. Mas, com o preço das casas na Suécia a baixar, foram aos milhões os emigrantes que começaram a surgir e, o fluxo da ponte em 2007 cresceu consideravelmente para milhares e milhares de pessoas.

oresund2

Resta dizer que esta ponte faz ligação entre Malmo (Suécia) a Copenhaga (Dinamarca). Ligar as 3 partes acima referidas para poder usufruir de uma rápida passagem de uma país para o outro foi um feito memorável. Desde a criação da ilha artificial, até ao último pormenor desta ponte, é de louvar o que hoje em dia é possível fazer graças à tecnologia!

Só em 2007 registaram-se entradas de 15.2 milhões de euros em passagens rodoviárias e mais 9.6 milhões de euros em passagens ferroviárias. Utilizadores regulares desta ponte poderão usufruir de descontos até 75%.

Poderá assistir ao documentário no video a seguir: