Veja os truques para tirar mais partido do seu smartphone

Smartphone ou telemóvel inteligente, o que quer que lhe chamemos, é um acessório praticamente indispensável para muitos de nós.

São equipamentos delicados que requerem alguns cuidados e medidas para evitar problemas. Para tirar o máximo de partido do seu smartphone sugerimos-lhe vários truques para evitar os problemas mais típicos que surgem na utilização e manuseamento do seu equipamento. Rompimento de cabos, baterias que ficam viciadas rapidamente, falta de espaço na memória e consumo exagerado de dados, parece-lhe familiar?

Veja como resolvê-los:

Cabos

Os utilizadores de iPhone costumam queixar-se da vulnerabilidade dos cabos de carregamento do seus telemóveis, que parecem romper e rachar com alguma frequência. Se é utilizador de iPhone ou de qualquer outra marca (pois o truque é válido para todos) a solução passar por reforçar o cabo.

Pode reforçar o cabo se colocar uma mola de uma caneta no início do cabo (onde este se conecta com o carregador), permitindo assim que o cabo fique mais maneável, e evitando as dobras que levam as rachadelas. Pode optar mesmo por colar com fita adesiva a própria caneta no cabo. Também existem no mercado cabos reforçados que poderá adquirir.

protectcabousb_7

Outra dica muito importante a reter é a forma como guarda o cabo. Guardá-lo de forma correcta e evitar que fique demasiado esticado ou torto pode aumentar a vida útil do mesmo.

Bateria

Apesar de todos os avanços tecnológicos, os fabricantes ainda não conseguiram resolver o problema da duração das baterias dos smartphones. Existem modelos que têm baterias melhores que outras, mas mais ou mais cedo todas necessitam carga.

bateria-telemovel

Aumentar a duração da bateria é possível se fizer pequenos truques, tais como, ajustar a luminosidade do ecrã, desligar a opção de “brilho automático” que pode estar programada para o máximo, Outras dicas são desligar o alerta de vibração ao receber mensagens e chamadas, reduzir o tempo de bloqueio da tela, e desligar as conexões WiFi e Bluetooth, para que o aparelho não permaneça à procura.

Também é importante desactivar a função de localização por GPS, desactivar o maior número possível de notificações, e evitar que aplicações fiquem a funcionar em “segundo plano”, o que consome bateria mesmo que elas não estão a ser utilizadas.

Memória

Os utilizadores de smartphones raramente resistem à tentação de levar tudo nos aparelhos: fotos, mensagens, documentos, cópias de informações úteis, vídeos, etc.

Mas por vezes lá se recebe uma mensagem que diz que não podemos tirar mais fotografias ou que não podemos baixar mais um podcast, devido à falta de espaço de memória disponível.

Chega o momento em que temos que fazer alguma coisa! O que não é tão necessário deve entrar no topo da lista do que pode apagado, seguido de aplicações que não são utilizadas com frequência, filmes e vídeos que já não vamos ver mais e livros que não são lidos.

Um truque simples será habilitar um sistema automático para apagar vídeos recebidos por mensagens e determinar um período máximo de dias em que alguns podem ser guardados no telemóvel.

Outro truque é não salvar cópias de fotos se você utiliza a função HDR para maior qualidade, controlar quanto espaço da memória é destinado para as aplicações, e utilizar um sistema em “nuvem” para armazenar arquivos, fotos e vídeos (dropbox, por exemplo).

Plano de dados

Vigiar os downloads automáticos é crucial para não esgotar o seu pacote de dados num ápice!

As fotos e vídeos que são descarregados automaticamente no seu smartphone sem sua autorização são responsáveis pelo consumo de grande parte dos seus dados. Para impedir isto basta que desactive os downloads e reproduções automáticas das aplicações do WhatsApp, por exemplo.

Se o objetivo é economizar uso de dados, o maior truque é jamais actualizar qualquer aplicação ou baixar actualizações de software fora de uma rede WiFi, e impedir que isso aconteça de forma automática.

[Fonte: Tecnologia Terra]

Gostou das nossas dicas? Partilhe connosco as suas!

 

Fonte das imagens