Apple Watch II – Histórias onde se salvam vidas

Pela segunda vez no nosso site, damos a conhecer ao leitor a história de como é que um smartwatch, da Apple, voltou a salvar uma vida. Poderá ter acesso à primeira história aqui. Ao contrário da última, esta envolve um homem de 62 anos, o dispositivo da apple e, um mal estar no trabalho! Curioso? Veio ao sitio certo.

Apple Watch e frequência cardíaca

Dennis Anselmo, morador de Morinville no Canadá, estava a trabalhar quando começou a sentir um mal estar. Enquanto isto, ele decidiu olhar para o seu smartwatch e, constatou que a sua frequência cardíaca estava fora do normal.

dennis
Dennis Anselmo e o seu smartwatch

A solução foi chamar uma ambulância e, levando Dennis ao hospital, foi de imediado realizado um desentupimento das artérias. Caso não tivesse tido ajuda médica, o homem de 62 anos poderia ter tido problemas graves e, mesmo fatais.

Eu estava quente e frio ao mesmo tempo, um sentimento terrível. Então eu disse ao meu ajudante que tinha de me sentar cinco minutos para ver se isto passava – disse Dennis Anselmo

Quando olhou para o smartwacth, este homem verificou que estava com uma frequência cardíaca de 210 bpm (batimentos por minuto). Habituado a ver os valores perto dos 50 bpm, ele verificou que algo estava errado e, chamou o 911.

Caso não tivesse o relógio, Dennis poderia ter ficado sem se preocupar e, o estado de saúde do mesmo piorar, pelo que ter um dispositivo tecnológico no nosso dia a dia deste género se demonstrou novamente, bastante útil!