Pokémon Go: 1 milhão de XP, num dia

Esta é uma noticia que certamente irá desanimar alguns jogadores do Pokémon Go. Isto porque, se o leitor se acha um jogador “hardcore”, então não conhece Jimmy Derocher. Depois de vários jogadores dizerem que é impossível conseguir 1.000.000 (um milhão) de pontos de XP sem ser um cheater, ele decidiu traçar um plano. Será que conseguiu?

O plano de Derocher

Derocher conseguiu traçar um mapa com 10 PokéStops muito próximas umas das outras, espalhando Lures por todas elas. Esse percurso acabou por ficar conhecido como o “Jimmy Loop”, que é visível na imagem abaixo.

abDerocher

Para provar que não estava a usar nada ilegal, o jogador realizou uma transmissão ao vivo do jogo e obteve auxílio de alguns amigos para filmar e transmitir. Não demorou parar ter centenas de pessoas a acompanhar.

A táctica era fazer com que os percursos não levassem mais de cinco minutos, sendo que não era permitido parar para apanhar pokémons. A menos que houvesse algo mais que um zubat. Quando o relógio marcada a 13ª hora, as coisas ficaram feias. Por causa das politicas de anti-cheat da Niantic, os pokémons não podiam ser capturados. Todos fugiam, não importa a quantidade de fruta ou o CP ou até mesmo utilizar pokébolas mais fortes. O jogador já tinha 600 mil de XP nesta altura.

Acontece que os servidores da Niantic, responsáveis por detectar falcatruas no jogo, acharam que Derocher estava a fazer batota e bloquearem o jogador, obrigando o mesmo a sofrer como castigo um “soft-ban”. Este castigo dura apenas 24 horas.

O jogador já estava à espera do problema e acha que a Niantic deveria rever as suas regras.