iPhone 7 causa queimaduras de segundo grau em mulher grávida!

Depois dos incidentes do Galaxy Note 7, muitos fabricantes de smartphones começaram a prestar mais atenção aos componentes que podem causar explosões nos aparelhos. Mesmo assim, os primeiros casos de sobreaquecimento do iPhone 7 já começaram a aparecer. Saiba mais, neste artigo!

iPhone 7 causa queimaduras de segundo grau em mulher grávida!

O primeiro incidente divulgado aconteceu com a australiana Melanie Tan Pelaez, 34 anos. Grávida, ela acabou por adormecer enquanto assistia a um vídeo no telefone que estava a ser carregado na tomada e acordou com uma forte dor no braço, além de tonturas e falta de ar.

Confira em baixo a foto publicada na rede facebook:

15078607_10154717585104281_7618802551700539180_n

Contactada pela Apple, a empresa afirmou que a queimadura não poderia ter sido causada pelo iPhone, pois não haveria um “cheiro característico”, além de que o smartphone normalmente desliga-se em casos de sobreaquecimento. Posteriormente, a empresa pediu que a vítima envia-se o telemóvel à companhia para que pudessem ser estudadas as causas deste problema.

É de relembrar que este não foi o primeiro caso de sobreaquecimento envolvendo produtos da empresa da maçã. Em 2010, um utilizador acabou por ter a mão queimada enquanto usava o iPhone 4.

Até o momento a Apple não se manifestou sobre o caso.

Deixe-nos a sua opinião!