Uber processada por um francês por lhe ter causado o divórcio

O título em si, até pode deixar dúvidas acerca deste assunto. Mas a verdade é esta, um francês processou a multinacional Uber por responsabilidade de colocar um ponto final no se casamento. E agora, interessado?

Uber processada por um francês por lhe ter causado o divórcio

Um empresário Francês está a processar a multinacional Uber por responsabilidades no fim do seu casamento. Este, alega que devido a um erro na aplicação móvel, a mulher suspeito de adultério.

De acordo com o Le Figaro, o homem, residente na Costa Azul (sul do país), reclama uma indemnização de (e veja bem este número) 45 milhões de euros.

Após ter utilizado a aplicação no telemóvel da mulher, este não saiu da sua conta antes de o devolver. Por motivos (ainda) desconhecidos a aplicação continuou a apresentar notificações e detalhes das suas viagens no telemóvel da mulher. Esta, começou por desconfiar que o marido andava a fazer visitas a outras mulheres…

O porta-voz da Uber não comentou o caso por se tratar de um processo “individual”.

A falha na aplicação parece estar ligada apenas aos aparelhos com sistemas iOS atualizados após o 16 de Dezembro.

Agora, o leitor já sabe. Se quiser utilizar a aplicação da Uber no telemóvel da sua mulher, lembre-se sempre de fazer logoff da conta…