“direito de ser esquecido”: Google toma medidas

A gigante da internet Google afirma que vai esconder conteúdo removido, ao abrigo do programa “direito de ser esquecido” de todas as versões do motor de busca, quando procurados em países onde a remoção foi aprovada.

Sob o “direito de ser esquecido”, os cidadãos europeus podem pedir aos motores de busca que removam informações sobre si. Agora tudo mudou, todos os dados removidos não serão apresentados em nenhuma versão do Google.

Até agora, informações removidas ao abrigo do “direito de ser esquecido, eram omitidas apenas em versões europeias do motor de busca, como por exemplo, google.co.uk ou google.fr.

Esta nova medida foi tomada depois da autoridade de protecção de dados Francesa ter ameaçado multar a Google, caso esta não retirasse a informação do seu motor de busca global, goolgle.com, e outros motores europeus.

Segundo informações recolhidas na BBC, estas medidas poderão entrar em vigor a meio de Fevereiro.

[Fonte: BBC]

Concorda com estas medidas sobre o “direito de ser esquecido”?

Fonte das imagens

António Sousa

António Sousa, técnico de redes e sistemas informáticos e fundador do Tech em Português! Sou um amante das novas tecnologias e um aventureiro dessa grande "auto-estrada" que é a internet!

You May Also Like

FaceApp: Nós somos o produto final, e sofremos com isso

Se é cliente da Vodafone pode renovar o Cartão de Cidadão na TV

Emprego? Sabe mais sobre quem te pode recrutar

Robô de cozinha do Lidl tinha Microfone escondido

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies