Estradas eléctricas

Estradas carregam baterias dos automóveis eléctricos

Os automóveis eléctricos, já toda a gente sabe, têm a grande vantagem ecológica face aos carros comuns que se “alimentam” de combustíveis fósseis. As emissões para a atmosfera são muito menos poluentes e a recarga da bateria mais económica.

No entanto, embora estejam cada vez mais desenvolvidos, e as pesquisas e testes serem feitos com o objectivo de optimizar este tipo de automóveis, continuam a não interessar muito ao grande público, devido principalmente à autonomia da bateria. Ter que parar para carregar a bateria, encontrar e limitar os trajectos aos locais adequados para a carregar, representa um obstáculo para percorrer longas distâncias. Actualmente, apenas o luxuoso automóvel eléctrico da Tesla consegue percorrer uma distância aproximada de 400 kms.

Estradas eléctricas?

Felizmente, esta grande desvantagem pode ter os seus dias contados. No Reino Unido, algumas faixas de rodagem em auto-estradas irão ser usadas como meio de carregamento das baterias dos automóveis eléctricos. Para já, os testes estão a ser desenvolvidos em estradas simuladas construídas sobre bobines de carga sobre o pavimento, que correspondem a receptores especiais que serão instalados em veículos eléctrico. Bem sucedidos os testes, a agência irá realizar ensaios nas estradas convencionais. O governo britânico já se comprometeu a investir 500 milhões de libras no desenvolvimento desta tecnologia. 

56aa2be421f0b_crop

Fonte das imagens

Jane Matos S.

Tecnologia não era bem a sua praia, mas lançou-se ao desafio! Escreve, edita e revê artigos para o Tech em Português. Licenciada em Contabilidade e Auditoria, mostra-se insaciável na leitura, escrita e descoberta.

You May Also Like

i9: Nova linha de processadores da Intel

Zealot B20: Os headphones low cost do momento

SheepIT: A coleira que “ensina” os rebanhos a seleccionar a comida nas vinhas

Palmilhas “inteligentes” ajudam a reabilitar depois de um AVC

Este portal utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização Saiba mais sobre privacidade e cookies