Está concluído. Com 500 metros de diâmetro, o equivalente a 30 campos de futebol, o telescópio chinês FAST foi criado para detectar sinais de rádio com origem em planetas longínquos. Esta tecnologia representa um passo enorme por busca de vida para lá do planeta Terra!

Telescópio FAST

O telescópio vai começar a funcionar no dia 25 de Setembro, cerca de cinco anos depois de se ter começado a construir este projecto. Será o maior telescópio do mundo, sucedendo ao Radiotelescópio de Arecibo em Porto Rico, com cerca de 300 metros de diâmetro!

fastimage

Perto de 161 milhões de euros foi o custo de tal obra! O Fast será capaz de ir mais longe e de forma mais rápida do que todas as investigações anteriores, tal como explicou Douglas Vakoch, o presidente do METI, uma organização que se dedica à detecção de sinais extraterrestres.

O último telescópio chinês será capaz de ir mais longe e mais rápido do que todas as anteriores buscas por inteligência extraterrestre

Este programa espacial chinês é já uma prioridade do Governo. Em 2018 a China irá lançar um “módulo central” para a sua primeira estação espacial!