Não usem telefones Huawei, segundo o FBI, CIA, e NSA

Os líderes de seis grandes agências de inteligência dos EUA advertiram que os cidadãos americanos não devem usar produtos e serviços feitos pelos gigantes chineses Huawei e ZTE. De acordo com um relatório da CNBC, os chefes de inteligência fizeram a recomendação durante uma audiência do Comite de Inteligência do Senado na terça-feira. O grupo incluiu os chefes do FBI, a CIA, a NSA e o diretor de inteligência nacional.

Não usem telefones Huawei, segundo o FBI, CIA, e NSA

Durante o seu depoimento, o diretor do FBI, Chris Wray, disse que o governo estava “profundamente preocupado com os riscos de permitir que qualquer empresa ou entidade estrangeira, ganhe poder nas redes de telecomunicações do seu país”. Acrescentou que isso proporcionaria “a capacidade de modificar ou roubar informações de forma maliciosa e, proporciona a capacidade de realizar espionagem não detectada “.

Esses avisos não são nada de novo. A comunidade de inteligência dos EUA há muito que se tem preocupado com a Huawei, que foi fundada por um ex-engenheiro do Exército de Libertação do Povo da China e foi descrita pelos políticos dos EUA como “efetivamente um braço do governo chinês”. Esse aviso levou à proibição da oferta da Huawei para os contratos do governo dos EUA em 2014, e agora está a causar problemas para o “empurrão” da empresa para a eletrônica de consumo.

A Huawei, em Setembro, ultrapassou a Apple e está apenas atrás da Samsung. Embora isso seja bom para a marca chinesa, esta nunca conseguiu lucrar no mercado americado, muito devido ás politicas que restringem a entrada de dispositivos daquela marca neste país.

Os responsáveis estão mesmo a considerar proibir pessoas que possam ter adquirido esta marca como telemóvel, de os usar nos seus locais de trabalho.